Indy
Foto: Twitter oficial da Chip Ganassi

Acabou. A temporada 2021 da Fórmula Indy teve o seu final neste fim de semana, nas ruas de Long Beach, Califórnia. E mesmo que o título foi decidido antes da bandeirada, a corrida teve suas emoções. Confira a análise da última etapa da Indy.

Análise

Álex Palou chegou a Long Beach quase campeão. Afinal, eram 35 pontos de vantagem sobre Patrício O’Ward e 47 contra Josef Newgarden, os únicos que poderiam lhe tirar o título. Entretanto, O’Ward foi tocado na primeira volta por Ed Jones; e depois abandonou devido a problemas justamente por causa deste toque.

Depois do incidente, o espanhol da Chip Ganassi apenas controlou a prova com a finalidade de se preservar para a quadriculada. Com a tranquilidade de um campeão, Palou cruzou a linha de chegada em quarto lugar, mais do que suficiente para ser campeão. Esta foi a primeira vez em que um espanhol foi campeão da Indy.

Com Palou fazendo uma corrida segura, quem foi o nome da prova foi Colton Herta. O americano, que foi o mais rápido nos dois treinos livres, foi mal no treino classificatório e partiu apenas em 14º lugar. Entretanto, isto não foi um empecilho. Aproveitando-se das bandeiras amarelas no início, Herta foi ultrapassando os rivais até atingir a liderança antes mesmo da primeira metade da prova. E de maneira idêntica a Laguna Seca, a dominou até receber a quadriculada.

Josef Newgarden fez o que pôde. Largou na pole, liderou, mas foi superado por Herta e até lotou pela vitória nas voltas finais, porém teve que se contentar com o segundo lugar. Quem também liderou a corrida foi Hélio Castroneves. O brasileiro largou em terceiro e, na segunda bandeira amarela, tentou uma estratégia diferente e ficou na pista enquanto os outros pilotos foram aos boxes. Contudo, a estratégia deu errado e o piloto da Meyer Shank Racing foi apenas o 20º.

Final do campeonato

O campeão Álex Palou teve a pontuação total de 549 pontos. Josef Newgarden, com o segundo lugar na corrida, também terminou em segundo no campeonato, com 511 pontos, enquanto que Patrício O’Ward foi o terceiro, com 487. O quarto colocado foi Scott Dixon, com 481 pontos.

Agora, Fórmula Indy, apenas em 2022. Mais precisamente, no dia 27 de fevereiro, nas ruas de St Petersburg. Contudo, nos próximos dias o Universo Esporte fará uma avaliação da temporada de 2021.

LEIA MAIS

Hamilton vencendo a centésima. Análise do Gp da Rússia de Fórmula 1

Indy em Laguna Seca tem domínio de Herta e Palou quase campeão

Hamilton vencendo a centésima. Análise do Gp da Rússia de Fórmula 1

Anterior

Ataque x defesa: o choque de estilos na final da Libertadores

Próximo

Você também pode gostar de

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *